Eslováquia 2008/09

SK Slovan Bratislava
SK Slovan Bratislava

Balanço

D

ominador do futebol eslovaco na década de 90, período em que arrancou 4 títulos nacionais, o Slovan Bratislava mergulhou numa terrível crise financeira que o obrigou a descer aos infernos das divisões secundárias no final da primeira metade da primeira década do novo milénio. Regressado ao convívio dos grandes em 2006/07, as duas primeiras épocas serviram para criar as bases para o assalto ao título em 2008/09, objectivo alcançado de forma categórica, a 4 jornadas do fim da prova, depois de uma temporada em que assumiu como claro dominador. Tamanha superioridade explica-se pelo forte investimento realizado pelo presidente Ivan Kmotric, ao contratar 4 jogadores ao ex-campeão Artmedia – o central Dosoudil, os médios ofensivos Obzera e Kozák e o avançado Halenár –, que se impuseram como unidades nucleares do «Céu Azul», mas também pelo bom trabalho efectuado pelo técnico Ladislav Pecko, com uma estreia auspiciosa nas suas novas funções, depois de ter sido uma referência do clube enquanto jogador, já que envergou a camisola do Slovan entre 1988 e 2005. Já o Artmedia, campeão em título, revelou-se a grande desilusão da temporada, depois de ter iniciado o exercício determinado em repetir a «gracinha» europeia de 2005/06, época em que conseguiu atingir a fase de grupos da Liga dos Campeões. A aposta inicial passou por manter a base da estrutura que garantiu o título, mas, depois de deixar FC Valetta e Tampere United pelo caminho, a Juventus revelou-se inultrapassável na última ronda de acesso à grande competição de clubes da UEFA, o que deixou o clube em apuros, sem o almejado reforço financeiro. A solução, em tempo de crise, passou por vender o passe dos principais jogadores, o que acabou por se revelar desastroso do ponto de vista desportivo, como espelha o 6º lugar final em 2008/09. E até a Taça, que chegou a ser vista como a salvação da temporada, foi perdida para o Kosice.

 

Classificação:

 1.SK Slovan Bratislava     33 21  7  5  69-25  70  Campeão; Liga Campeões (2ªPré)
 2.MSK Zilina               33 18  8  7  56-26  62  Liga Europa (2ªPré)
 3.FC Spartak Trnava        33 15 10  8  45-38  55  Liga Europa (1ªPré)
 4.MFK Kosice               33 14 10  9  48-42  52  Liga Europa (3ªPré)
 5.MFK Ruzomberok           33 12 11 10  48-34  47
 6.FC Artmedia Petrzalka    33 12 11 10  50-38  47
 7.FC Tatran Presov         33 10 11 12  40-50  41
 8.MFK Dubnica              33 10  7 16  43-49  37  
 9.FK DAC Dunajská Streda   33  9  9 15  32-59  36  
10.FK Dukla Banská Bystrica 33  9  8 16  30-39  35
11.FC Nitra                 33  9  8 16  34-53  35
--------------------------------------------------
12.FC ViOn Zlaté Moravce    33  5  8 20  21-63  23  Despromovido

 

Quem Subiu:

Inter Bratislava.

 

Melhores Marcadores

Pavol MASARYK (SK Slovan Bratislava), 15
Ján NOVÁK (MFK Kosice), 12
ADAUTO DA SILVA (MSK Zilina), 11
Milos LACNÝ (MSK Ruzomberok), 11
Leonard KWEUKE (FK DAC Dunajská Streda), 11
Tomás ORAVEC (MSK Zilina), 10
Juraj HALENÁR (SK Slovan Bratislava), 10
Mouhamadou SEYE (MFK Dubnica), 9
Jakub SYLVESTR (FC Artmedia Petrzalka), 9
Robert RÁK (FC Nitra), 9
Ján KOZÁK (SK Slovan Bratislava), 9
Emil RILKE (MSK Zilina), 9
Dusan USKOVIC (FK Dukla Banská Bystrica), 8
Vladimír KOZUCH (FC Spartak Trnava), 8
Marko MILINKOVIC (MFK Kosice), 8
Martin HRUSKA (FC Spartak Trnava), 8
Stefan ZOSÁK (MSK Ruzomberok), 8

 

Dados Relevantes

O Campeão

9º título do Slovan Bratislava, clube mais titulado do futebol eslovaco, que, com este triunfo, quebrou um jejum de conquistas de 10 anos, pois o seu último troféu datava de 1998/99.

Clubes com mais títulos

Slovan Bratislava (9), MSK Zilina (4), Inter Bratislava, FC Kosice e FC Artmedia Petrzalka (2).

Média de golos

2,6 golos por jogo. Representou um decréscimo de 0,1 em relação à temporada anterior, onde a média de golos tinha sido de 2,7 por jogo.

Jogo com mais golos

Kosice – Tatran Presov (5-5).

Maiores goleadas

Slovan Bratislava – Dunajská Streda (6-0) e Slovan Bratislava – Zlaté Moravce (6-0).

Resultados mais comuns

2-1 (36), 1-0 (29), 1-1 (25), 2-0 (23).

O melhor marcador

Pavol Masaryk (Slovan Bratislava)
15 golos em 31 jogos
7 golos apontados em casa e 8 em jogos extramuros
5 golos obtidos na primeira parte e 10 na segunda parte
Marcou golos em 10 partidas: sete golos foram «solitários», aos quais juntou uma «dupla» e duas «triplas», obtidas nas deslocações ao terreno do Dubnica (vitória 3-1, na 2ª jornada) e do Dukla Banská Bystrica (vitória 3-2, na 12ª jornada).

 

Taça

20-5-2009
MFK Kosice, 3 (Marko Milinkovic, 28., Róbert Cicman, 56., Ján Novák, 69.)
FC Artmedia Petrzalka, 1 (Vojtech Horváth, 47.)

 

SK SLOVAN BRATISLAVA: O CAMPEÃO

 
Estatísticas

Nac. Pos. Nome J G A V Min.
SVK DM Stanislav ANGELOVIC 18 2 2 0 752
CZE G David BICÍK 18 0 1 0 1.620
SVK DM Michal BREZNANÍK 28 3 4 0 2.161
SVK M Peter CERNÁK 32 2 5 0 2.055
BRA DM DIOGO José PIRES 21 3 4 0 1.428
SVK D Martin DOBROTKA 29 2 6 0 2.568
CZE D Radek DOSOUDIL 9 1 2 0 736
BRA AM Rogério Botelho «GAÚCHO» 13 2 0 0 553
SVK A Juraj HALENÁR 23 9 2 0 1.858
SVK D Michal HANEK 22 2 4 1 1.847
UZB MA Aziz IBRAGIMOV 3 0 0 0 55
SVK M Matej IZVOLT 7 0 0 0 222
SVK D Ivan JANEK 1 0 0 0 90
SVK M Kristian KOLCAK 1 0 0 0 45
SVK M Ján KOZÁK 14 2 0 0 1.211
CZE A Ján KRÁLIK 3 0 0 0 59
SVK A Pavol MASARYK 31 15 2 0 2.328
SVK A Lubomir MESZÁROS 31 5 0 0 1.003
CZE D Lukás NACHTMAN 1 0 0 0 90
SVK M Branislav OBZERA 24 4 8 0 1.972
SVK DM Peter PETRÁS 11 1 2 0 892
CZE M Jakub RADA 2 0 0 0 114
SVK G Dominik RODINGER 15 0 0 0 1.350
ARG M Julio César SERRANO 27 1 6 0 2.317
SVK M Samuel SLOVÁK 25 7 2 0 1.940
SVK A Peter STEPANOVSKY 8 0 0 0 214
SVK D Peter STRUHÁR 1 0 0 0 90
SVK AM Jakub SYLVESTR 13 2 0 0 567
SVK D Otto SZABÓ 1 0 0 0 45
SVK D Jozef VALACHOVIC 29 5 5 0 2.488

 
A Táctica

SK Slovan Bratislava: táctica

 

Treinador Campeão

Ladislav Pecko
foto © osporte.sk

LADISLAV PECKO

Grande referência do Slovan, clube que representou, como jogador, durante 17 temporadas, encerrou em 2005 a sua longa carreira, iniciando um trajecto como treinador entre as camadas jovens e o cargo de adjunto. Promovido, em Abril de 2008, a técnico principal, teve a oportunidade de preparar a época 2008/09 e mostrou-se à altura do desafio, gerindo, de forma inteligente, os recursos à sua disposição, apostando num ofensivo 4x1x3x2 como modelo preferencial, em que juntou Halenár e Masaryk na frente do ataque. Após a paragem de Inverno, com a aquisição do criativo Kozák, passou a recorrer também ao 4x2x3x1, juntando o antigo jogador do Artmedia ao argentino Serrano e a Cernák.

 

O «ONZE» DO ANO

Eslováquia 2008/09: onze do ano

 

Figuras da Época

Lubos Kamenár
foto © profutbal.sk

Lubos Kamenár (Artmedia Petrzalka)

Peter Pekarík
foto © profutbal.sk

Peter Pekarík (MSK Zilina)

Kornel Saláta
foto © Pixsell

Kornel Saláta (Artmedia Petrzalka)

Jozef Valachovic
foto © nationalfootballteamseurope

Jozef Valachovic (Slovan Bratislava)

Lubos Hanzel
foto © profutbal.sk

Lubos Hanzel (Spartak Trnava)

Róbert Cicman
foto © profutbal.sk

Róbert Cicman (MFK Kosice)

Ján Kozák
foto © profutbal.sk

Ján Kozák (Slovan Bratislava/Artmedia Petrzalka)

Nemanja Matic
foto © Getty Images

Nemanja Matic (MFK Kosice)

Ján Novák
foto © profutbal.sk

Ján Novák (MFK Kosice)

Milos Lacný
foto © miloslacny.wbs.cz

Milos Lacný (MFK Ruzomberok)

Pavol Masaryk
foto © profutbal.sk

Pavol Masaryk (Slovan Bratislava)

 
foto de abertura © hnonline.sk


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.