Itália 2008/09: Torino

Torino
Torino

TORINO FC: 18º CLASSIFICADO

A

pós duas temporadas sofríveis, em que sentiu imensas dificuldades para garantir a manutenção na Serie A, o Torino investiu mais de 18 milhões de euros em aquisições para realizar um campeonato sem sobressaltos, o que parecia estar perfeitamente ao alcance dos «Granata», apesar da perda de algumas unidades nucleares como Grella, Comotto, Lanna ou Di Michele. Contudo, cedo se percebeu que a luta do «Toro» seria, novamente, pela sobrevivência no escalão principal, até porque uma série de 7 jogos consecutivos sem triunfos, entre as rondas 2 e 8, deixou o clube no último lugar da tabela classificativa. Se as vitórias caseiras sobre Atalanta e Palermo aliviaram um pouco o panorama, uma nova série de maus resultados e um ambiente de grande tensão no balneário ditaram o despedimento de De Biasi. Walter Novellino, treinador que orientara o Torino no início do exercício anterior, assumiu a sucessão, garantindo uma melhor organização da equipa do ponto de vista táctico, que, no entanto, não produziu os resultados desejados, já que apenas 2 triunfos em 14 jogos fixaram o clube em zona de despromoção e conduziram a nova alteração no comando técnico. Giancarlo Camolese, treinador que conduzira os «Granata» ao título da Serie B em 2000/01, foi o escolhido para afiançar o «milagre» da permanência e manteve a chama acesa até à última jornada, mas uma derrota na deslocação ao terreno da Roma (2-3), num jogo em que o Toro surgiu desfalcado de vários titulares, suspensos na sequência de uma inconcebível batalha campal após a derrota caseira diante do Génova (2-3, na 37ª jornada), sentenciou a descida ao escalão secundário.

 
Estatísticas

Torino: estatísticas

 
Treinadores

Torino: treinadores

 
Equipa Tipo

Torino: táctica

 
A Figura

Blerim Dzemaili
foto © Pegaso

Blerim Dzemaili

 
foto de abertura © AP


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.