Moldávia 2008/09

FC Sheriff Tiraspol
FC Sheriff Tiraspol

Balanço

D

ominador do início ao fim da Liga, o Sheriff Tiraspol continua a superar marcas e tornou-se no emblema moldavo mais titulado, após conquistar, em 2008/09, o 9º campeonato do seu historial, todos eles consecutivos, a que juntou ainda os triunfos na Taça da Moldávia e na Taça da Comunidade dos Estados Independentes, competição disputada pelos campeões dos países que formavam a União Soviética. Por realizar está o sonho dos dirigentes em chegar à fase de grupos da Liga dos Campeões, mas a verdade é que a 2ª pré-eliminatória continua a ser um fardo para esta multi-nacional, que, mesmo possuindo uma forte base moldava – constitui metade do plantel -, reúne jogadores de outras onze nacionalidades. Os 15 pontos de vantagem sobre o Dacia Chişinău, 2º classificado, e os 26 sobre o Iskra-Stal Rîbniţa, 3º colocado, não deixam dúvidas sobre a superioridade patenteada pela equipa orientada tecnicamente pelo bielorrusso Leonid Kuchuk sobre a concorrência, que legitimou a conquista tranquila do éneacampeonato. Da época moldava registo ainda para o aparecimento de uma série de jovens jogadores com potencial para atingir outros patamares competitivos. São o caso de Aleksandr Erokhin, versátil russo, de apenas 19 anos, do campeão Sheriff, que se assumiu como a grande figura da época, mas também do avançado moldavo Oleg Andronic, do Zimbru, que, aos 20 anos, se sagrou artilheiro do campeonato. Outros nomes, como os avançados Ovsianicov (Olímpia), Mihaliov (Dinamo Bender) e Suvorov (Sheriff), todos sub-23, também realizaram épocas acima da média.

 

Classificação:

 1.FC Sheriff Tiraspol          30 25  3  2  61-15 78  Campeão; L. Campeões (2ª Pré)
 2.FC Dacia Chişinău            30 20  3  7  47-17 63  Liga Europa (2ªPré)
 3.Iskra-Stal Rîbniţa           30 14 10  6  28-15 52  Liga Europa (2ªPré)
 4.FC Zimbru Chişinău           30 13  7 10  42-30 46  Liga Europa (1ªPré) [*]
 5.FC Dinamo Bender             30 11  9 10  42-45 42  [*]
 6.FC Olimpia Bălţi             30 11  7 12  30-32 40
 7.FC Tiraspol                  30  9  5 16  30-36 32
 8.FC Nistru Otaci              30  8  6 16  30-43 30
 9.CSCA-Rapid Ghidighici        30  7  8 15  28-47 29  
10.CS Tiligul-Tiras Tiraspol    30  7  4 19  24-60 25  [*] Despromovido
11.FC Academia UTM Chişinău     30  6  6 18  27-49 24  [*]
12.FC Politehnica Chişinău      0   0  0  0   0-0   0  Despromovido

[*] Notas:
– O FC Politehnica Chişinău desistiu de participar no campeonato na semana anterior ao início da prova. Por isso mesmo, a competição acabou por ser disputada por 11 clubes, ficando o FC Politehnica Chişinău automaticamente despromovido à 2ªDivisão.

– O CS Tiligul-Tiras Tiraspol, 10º classificado em 2008/09, anunciou, no início de Junho de 2009, o encerrar das suas actividades, em virtude de graves problemas de ordem financeira. Com isso, o FC Academia UTM Chişinău, 11º classificado em 2008/09, que havia descido à 2ªDivisão, foi repescado para participar na Liga principal em 2009/10.

– O FC Zimbru Chişinău, 4º classificado em 2008/09, garantiu a qualificação para a 1ªpré-eliminatória da Liga Europa. Contudo, recusou-se, numa primeira fase, a participar na competição europeia, o que fez passar a vaga para o FC Dinamo Bender, 5º classificado. A situação alterar-se-ia duas semanas depois, já que os dirigentes do FC Zimbru Chişinău mudaram de ideias e a Federação Moldava de Futebol autorizou a participação do clube na Liga Europa.

 

Quem Subiu:

FC Viitorul Orhei, FC Sfîntul Gheorghe.

[*] Notas:
– O FC Viitorul Orhei, campeão da 2ªDivisão em 2008/09, foi promovido à divisão maior. Já a segunda vaga foi ocupada pelo FC Sfîntul Gheorge, 11º classificado da 2ªDivisão em 2008/09, pois a Federação Moldava de Futebol considerou ser o clube do segundo escalão com melhores infra-estruturas e condições financeiras, factores decisivos para ocupar a vaga em aberto na Liga principal em 2009/10.

 

Melhores Marcadores

Oleg ANDRONIC (FC Zimbru Chişinău), 16
Gheorghe OVSIANICOV (FC Olimpia Bălţi), 13
Maxim MIHALIOV (FC Dinamo Bender), 12
Aleksandr EROKHIN (FC Sheriff Tiraspol), 11
Alexandr SUVOROV (FC Sheriff Tiraspol), 11
Ghenadie ORBU (FC Dacia Chişinău), 8
Alexandru POPOVICI (FC Dacia Chişinău), 8
Florentin SERBAN (Iskra-Stal Rîbniţa), 7
Sergiu ISTRATI (CSCA-Rapid Ghidighici), 7
Artur IONITA (Iskra-Stal Rîbniţa), 7
Jaba DVALI (FC Dacia Chişinău), 7

 

Treinador Campeão

Leonid Kuchuk

LEONID KUCHUK (FC SHERIFF TIRASPOL)

Técnico bielorrusso, de 49 anos, somou o seu 6º título em 6 épocas à frente do Sheriff. Responsável por todo o futebol, desde as camadas jovens até à equipa sénior, é conhecido pela aposta, sem receios, em jogadores oriundos da formação, como também pela sua ideia de jogo ofensiva – utiliza normalmente o 4x3x3 como modelo preferencial, mas também recorre ao 4x4x2 clássico e ao 4x2x3x1 – e forte incremento da componente psicológica. Pouco ambicioso, não se tem deixado seduzir por propostas de clubes de Ligas mais competitivas.

 

Estrela da Época

Aleksandr Erokhin

ALEKSANDR EROKHIN (FC SHERIFF TIRASPOL)

 

Dados Relevantes

O Campeão

9º título da história do FC Sheriff Tiraspol, todos consecutivos, que permitiram que o clube se tornasse no mais titulado do futebol moldavo.

Clubes com mais títulos

FC Sheriff Tiraspol (9), FC Zimbru Chişinău (8), Constructorul Chişinău (1).

Média de golos

2,4 golos por jogo. Exactamente a mesma do exercício anterior.

Jogo com mais golos

FC Sheriff Tiraspol – CSCA-Rapid Ghidighici (6-2).

Maior goleada

CS Tiligul-Tiras Tiraspol – FC Dinamo Bender (0-5).

O melhor marcador

Oleg Andronic (FC Zimbru Chişinău)
16 golos em 23 jogos
9 golos apontados em casa e 7 em jogos extramuros
7 golos obtidos na primeira parte e 9 na segunda parte
Marcou golos em 10 partidas: quatro golos foram «solitários», aos quais juntou seis «duplas» – 3 em jogos em casa, 3 em jogos extramuros.

 

Taça

23-5-2009
FC Sheriff Tiraspol, 2 (Benjamin Balima, 48., Florent Rouamba, 87.)
FC Dacia Chişinău, 0

 
fotos © FC Sheriff


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.