Posted 02/09/2009 by Rui Malheiro in Observatório
 
 

Nilson

Nilson
Nilson

Nilson (Vitória Guimarães)

 

Perfil

2008/09

Protagonista de um largo trajecto nos dois principais escalões do seu País, Nilson representou Náutico, Americano, Santa Cruz, Gama e Vitória, clube ao serviço do qual foi bicampeão baiano em 1996 e 1997, como também foi internacional Sub-20 pelo Brasil, sagrando-se vice-campeão do Mundo da categoria em 1995, como suplente de Fábio Noronha, na altura guardião do Flamengo. Contratado, no Verão de 2005, pelo Vitória de Guimarães, depois de ter sido observado no Recife por António Jesus, antigo técnico de guarda-redes dos vimaranenses, Nilson cumpriu, em 2008/09, a sua 4ª temporada como titular indiscutível do Vitória de Guimarães, onde tem vindo a justificar a alcunha de «Paredão» (muro), como é conhecido no Brasil. Um dos jogadores com menos culpas na surpreendente descida, em 2005/06, à Liga de Honra, Nilson assumiu-se como uma das unidades de maior peso na subida em 2006/07 e na fantástica temporada realizada pelos vimaranenses em 2007/08. Menos regular no último exercício, não deixou de realizar uma época positiva.

 

Nilson Corrêa Júnior

Data de Nascimento: 26 – 12 – 1975
Nacionalidade: Brasil
Altura: 1.84
Peso: 83
Posição: Guarda-Redes
Internacional Sub-20 pelo Brasil

ÉPOCA CLUBE JOGOS GOLOS
1994 Desportiva
1995 Vitória 16 0
1996 Vitória 23 0
1997 Vitória 7 0
1998 Vitória 23 (0) 0
1999 Santa Cruz
2000 Gama 12 (0) 0
2001 Santa Cruz 7 (0) 0
2002 Santa Cruz
2003 Santa Cruz 2 0
2004 Americano
2005 Náutico Recife 10 0
2005/06 Vitória Guimarães 27 (0) 0
2006/07 Vitória Guimarães 27 (0) 0
2007/08 Vitória Guimarães 30 (0) 0
2008/09 Vitória Guimarães 24 (0) 0
2009/10 Vitória Guimarães 29 (0) 0
2010/11 Vitória Guimarães 30 (0) 0
2011/12 Vitória Guimarães

2008/09

– Colocação
– Agressividade e Poder Físico
– Reflexos, Agilidade e Elasticidade
– Voz de comando
– Saídas pelo chão
– Um para um
– Domínio da pequena área
– Lançamento de Ataques – pés e mãos

 

Multimédia

 

 

foto © Getty Images


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.