Portugal 2008/09: Leixões

Leixões
Leixões

LEIXÕES: 6º CLASSIFICADO

A

pós alcançar com grande sofrimento a manutenção em 2007/08, exercício que marcou, quase duas décadas depois, o seu regresso ao escalão maior do futebol português, o Leixões procurou abordar a nova temporada com uma melhor organização, como atesta a contratação de Vítor Oliveira, treinador responsável pela promoção do matosinhenses em 2006/07, para o cargo de director-geral para o futebol. José Mota, de saída do Paços de Ferreira, foi a sua aposta para assumir o comando técnico da equipa, que conjugou uma série de reforços interessantes, entre os quais se destacavam Wesley, Roberto Sousa, Vasco Fernandes, Laranjeiro e o veterano José Manuel, a grande parte da estrutura dos dois últimos exercícios. Os maus resultados na pré-temporada e uma péssima entrada na época oficial, bem visível na goleada sofrida na deslocação a Braga (0-4) para a Taça da Liga e na derrota caseira diante do Nacional (1-3) na estreia no campeonato, geraram bastante apreensão entre os adeptos do Leixões e levaram José Mota a abdicar do seu tradicional 4x3x3, apostando num esquema flexível, entre o 4x3x1x2 e um falso 4x3x3, onde Wesley assumiu, com enorme sucesso, o duplo papel de médio ofensivo e falso avançado. Apesar da saída, no final de Agosto, de Jorge Gonçalves para o Racing Santander, muito bem substituído pela revelação Braga, tudo mudou no futebol do Leixões, capaz de somar 7 vitórias e 2 empates entre as jornadas 2 e 10, o que lhe permitiu encerrar o primeiro terço da Liga na liderança da competição com 23 pontos, apenas menos 3 do que os somados em todo o exercício anterior. As imagens dos triunfos históricos nas deslocações aos terrenos de FC Porto (3-2) e Sporting (1-0) correram a Europa, o que motivou inúmeras reportagens de órgãos de comunicação social nacionais e internacionais, como também colocou muitos clubes no encalço das principais unidades da equipa. Começou aí o quebrar da época extraordinária do Leixões, que, ainda assim, só perderia uma vez entre as jornadas 11 e 19, período em que somou 2 vitórias e 6 empates, o que motivou a sua queda para o 4º lugar da classificação, a que se juntou a eliminação diante do FC Porto (0-1) nos quartos de final da Taça de Portugal, depois de deixar pelo caminho o Benfica, no desempate por pontapés da marca de grande penalidade, na ronda anterior da competição. No entanto, o pior ainda estava para vir: a saída de Wesley para o futebol romeno no «Mercado de Inverno» e a quebra de forma de algumas unidades fundamentais conduziram a um último terço de prova sofrível, com apenas 4 pontos conquistados entre as jornadas 20 e 28, o que afastou o Leixões da corrida por um lugar de acesso à Liga Europa. Só as vitórias tangenciais sobre Vitória de Setúbal (1-0, fora) e Marítimo (1-0, casa), nas duas derradeiras rondas da competição, permitiram segurar o 6º lugar final. Uma classificação que não deixou de ser notável, até por ser a segunda melhor do historial da formação matosinhense – só superada pelo 5º lugar de 1962/63 -, mas que não deixou de saber a pouco face ao desempenho da equipa na primeira metade da época.

 
Estatísticas (Liga + Taça de Portugal)

Nac. Nome J G A V Min. J G A V Min.
G
AUT Hans-Peter BERGER 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR António Alberto «BETO» Pimparel 30 0 1 0 2.700 4 0 0 0 450
POR Carlos FONSECA 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
D
COL BRAYAN ANGULO 17 0 2 0 1.380 1 0 0 0 66
POR BRUNO GOMES 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR CRISTIANO SEIXAS 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR DIOGO LUÍS 1 0 0 0 72 1 0 0 0 10
BRA ÉLVIS Alves Pereira 27 0 9 0 2.386 4 0 2 0 450
POR JOÃO PEDRO Jesus 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR JOEL Dias 10 0 4 0 689 4 0 0 0 436
POR Nuno LARANJEIRO 25 0 2 0 2.136 4 0 0 0 297
POR MIGUEL NETO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR NUNO SILVA 22 0 5 0 1.980 1 0 0 0 90
POR PEDRO BRANCO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR RÚBEN RIBEIRO 10 0 3 0 479 0 0 0 0 0
BRA SANDRO Luiz da Silva 11 0 2 0 469 2 0 1 0 23
POR VASCO FERNANDES 16 0 7 0 1.420 3 0 0 0 293
M
POR ANTERO SILVA 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
CRC BRANDÓN Poltronieri 1 0 0 0 3 0 0 0 0 0
POR BRUNO BRAGA 27 5 4 0 1.946 3 0 0 0 288
POR BRUNO Silva «CHINA» 29 3 7 0 2.598 3 0 1 0 360
POR CARLOS MOURA 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR Vítor CASTANHEIRA 8 0 0 0 260 0 0 0 0 0
BRA Marinaldo da Silva «CHUMBINHO» 19 2 1 0 714 2 0 0 0 113
POR HUGO MORAIS 27 1 10 0 2.361 4 1 1 0 450
HAI JEAN SONY Alcenat 10 0 2 0 213 0 0 0 0 0
POR JOÃO PATRÃO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR NUNO SEQUEIRA 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR PAULO TAVARES 4 0 2 1 120 1 1 0 0 49
POR PEDRO CERVANTES 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
BRA ROBERTO de SOUSA 23 1 9 0 2.051 4 0 1 0 450
POR SAMUEL MARTINS 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
BRA WESLEY Lopes Silva 13 7 0 0 1.102 3 1 0 0 350
A
POR DIOGO VALENTE 29 4 4 0 2.131 4 1 0 0 316
POR FÁBIO LOUREIRO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR JORGE GONÇALVES 2 0 0 0 175 0 0 0 0 0
POR JOSÉ MANUEL Fernandes 29 3 3 0 1.382 4 0 0 0 279
BRA Iorlando MARQUES 11 1 1 0 386 2 3 1 0 156
MAL Udochukwu NWOKO 2 0 0 0 21 1 0 0 0 24
POR PEDRO ANTUNES 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR RICARDO VALENTE 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
BRA ROBERTO Alcântara Ballesteros 3 0 0 0 55 0 0 0 0 0
BRA RODRIGO SILVA 10 2 0 0 542 0 0 0 0 0
POR RUI SANTOS 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
BRA Elisérgio Silva «SERGINHO BAIANO» 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0
POR Joaquim Fernando SIMÕES 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
POR TIAGO PINTO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

Estatísticas (Taça da Liga + Liga Intercalar)

Nac. Nome J G A V Min. J G A V Min.
G
AUT Hans-Peter BERGER 2 0 0 0 180 15 0 0 0 1.305
POR António Alberto «BETO» Pimparel 0 0 0 0 0 1 0 0 0 90
POR Carlos FONSECA 0 0 0 0 0 3 0 0 0 226
D
COL BRAYAN ANGULO 0 0 0 0 0 1 0 0 0 90
POR BRUNO GOMES 0 0 0 0 0 9 0 0 0 500
POR CRISTIANO SEIXAS 0 0 0 0 0 13 0 1 0 1.041
POR DIOGO LUÍS 2 0 0 0 121 11 1 0 0 886
BRA ÉLVIS Alves Pereira 1 0 0 0 90 2 1 1 0 180
POR JOÃO PEDRO Jesus 0 0 0 0 0 5 0 0 0 196
POR JOEL Dias 1 0 0 0 90 4 0 0 0 334
POR Nuno LARANJEIRO 1 0 0 0 90 0 0 0 0 0
POR MIGUEL NETO 0 0 0 0 0 4 0 0 0 166
POR NUNO SILVA 1 0 1 0 90 5 0 1 0 361
POR PEDRO BRANCO 0 0 0 0 0 7 0 0 0 512
POR RÚBEN RIBEIRO 0 0 0 0 0 12 1 4 0 990
BRA SANDRO Luiz da Silva 1 0 0 0 90 14 0 0 0 1.082
POR VASCO FERNANDES 1 0 0 0 90 6 0 1 0 369
M
POR ANTERO SILVA 0 0 0 0 0 2 0 0 0 62
CRC BRANDÓN Poltronieri 0 0 0 0 0 3 0 0 0 102
POR BRUNO BRAGA 1 0 1 0 90 5 1 0 0 262
POR BRUNO Silva «CHINA» 2 0 0 0 112 2 0 1 0 163
POR CARLOS MOURA 0 0 0 0 0 4 0 0 0 71
POR Vítor CASTANHEIRA 2 0 0 0 180 10 1 1 0 505
BRA Marinaldo da Silva «CHUMBINHO» 0 0 0 0 0 8 0 2 0 512
POR HUGO MORAIS 2 1 1 0 112 4 0 2 0 360
HAI JEAN SONY Alcenat 0 0 0 0 0 7 0 0 0 565
POR JOÃO PATRÃO 0 0 0 0 0 14 1 0 0 882
POR NUNO SEQUEIRA 0 0 0 0 0 12 1 0 0 958
POR PAULO TAVARES 1 0 1 0 90 5 0 0 0 323
POR PEDRO CERVANTES 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
BRA ROBERTO de SOUSA 1 0 1 0 68 4 0 2 1 217
POR SAMUEL MARTINS 0 0 0 0 0 13 1 0 0 763
BRA WESLEY Lopes Silva 2 0 0 0 59 1 0 1 0 60
A
POR DIOGO VALENTE 2 0 0 0 113 2 0 1 1 82
POR FÁBIO LOUREIRO 0 0 0 0 0 2 0 0 0 91
POR JORGE GONÇALVES 1 0 0 0 90 0 0 0 0 0
POR JOSÉ MANUEL Fernandes 1 0 0 0 45 6 1 2 1 258
BRA Iorlando MARQUES 2 0 0 0 156 5 1 0 0 225
MAL Udochukwu NWOKO 0 0 0 0 0 9 2 1 0 731
POR PEDRO ANTUNES 0 0 0 0 0 1 0 0 0 15
POR RICARDO VALENTE 0 0 0 0 0 2 0 0 0 62
BRA ROBERTO Alcântara Ballesteros 1 0 0 0 24 7 3 0 0 411
BRA RODRIGO SILVA 0 0 0 0 0 2 2 0 0 92
POR RUI SANTOS 0 0 0 0 0 5 0 0 0 129
BRA Elisérgio Silva «SERGINHO BAIANO» 0 0 0 0 0 9 1 0 0 654
POR Joaquim Fernando SIMÕES 0 0 0 0 0 11 3 0 0 490
POR TIAGO PINTO 0 0 0 0 0 12 5 1 0 465

 
Treinador

Treinador Sistema Táctico Outras Opções Período
José Mota 4x3x3 4x3x1x2, 4x2x3x1 toda a época.

Nota: António Pinto e Jorge Mendonça, técnicos-adjuntos da equipa principal, orientaram a equipa em vários jogos na Liga Intercalar.

 
Treinador (Liga + Taça de Portugal + Taça da Liga)

Treinador J V E D Med. J V E D Med. J V E D Med.
José Mota 30 12 9 9 1.500 4 2 1 1 1.750 2 0 0 2 0.000

Treinadores (Liga Intercalar)

Treinador J V E D Med.
José Mota 3 0 2 1 0.667
António Pinto 11 5 4 2 1.727
Jorge Mendonça 4 2 1 1 1.750

 
Equipa Tipo

Leixões: táctica

 
As Figuras

Wesley
foto © Luis Vieira

Wesley

Bruno China
foto © Getty Images

Bruno China

Beto
foto © Luis Vieira

Beto

 
foto de abertura © Reuters


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.