Posted 01/09/2009 by Rui Malheiro in Observatório
 
 

Rodrigo Tabata

Rodrigo Tabata
Rodrigo Tabata

Rodrigo Tabata (Gaziantepspor K)

 

Perfil

2008/09

Médio ofensivo brasileiro, com origens familiares japonesas, o que lhe vale a alcunha de «Samurai», foi revelado nas escolas do Paulista, onde atingiu algum destaque na Copa São Paulo de 1999, competição que viria a ser conquistada pela formação de Jundiaí. Contudo, o seu trajecto como sénior revelar-se-ia extremamente irregular e tergiversante, o que o levou a percorrer, durante quatro anos, uma dezena de clubes, sem nunca se conseguir fixar. Com alguma surpresa, Rodrigo Tabata acabaria por ser contratado pelo Goiás, onde o seu futebol explodiu, ao ponto de se tornar numa das principais figuras do «Verdão» nas excelentes campanhas de 2004 e 2005. Colocado na rota dos «grandes» de São Paulo, Tabata acabou por rumar, no início de 2006, ao Santos, onde, apesar de alguma inconstância a nível exibicional, continuou a mostrar-se capaz de fazer a diferença. No Verão de 2008, com o espaço mais reduzido no «Peixe», aceitou uma proposta dos turcos do Gaziantepspor, onde se assumiu como uma das grandes figuras da Liga turca, ao juntar 7 assistências a 11 golos. Com a cotação em alta, acabou por se transferir, em Agosto de 2009, para o campeão Besiktas, clube que investiu 8 milhões de euros para assegurar a sua aquisição. Médio ofensivo que gosta de actuar com liberdade de acção nas costas do(s) avançado(s), revela-se um jogador extremamente forte a assumir acções de condução e organização de jogo ofensivo, ao saber conjugar a sua velocidade, agilidade e poder de aceleração com uma boa capacidade técnica e poder de drible, o que lhe permite provocar inúmeros desequilíbrios no um para um com os defesas adversários. Forte no capítulo das assistências para situações de finalização, ao tirar partido da sua qualidade nos cruzamentos, tanto em bola corrida como parada, e a nível do passe, é, igualmente, um exímio marcador de livres directos e grandes penalidades, mostrando uma boa capacidade de remate com o pé direito – o esquerdo está longe de ser cego – também em lances de bola corrida, onde se faz valer da sua mobilidade e poder de desmarcação para aparecer em posição de finalização. Pouco eficiente do ponto de vista defensivo, até porque é algo frágil a nível físico, não deixa, no entanto, de participar em algumas acções de pressão.

 

Rodrigo Barbosa Tabata

Data de Nascimento: 19 – 11 – 1980
Nacionalidade: Brasil
Altura: 1.71
Peso: 68
Posição: Médio Ofensivo; Médio Ala
Não é internacional pelo Brasil

ÉPOCA CLUBE JOGOS GOLOS
1999 Paulista 5 2
2000 São Bento 7 2
2001 Santo André 5 1
2001 Ferroviário 5 0
2001 Inter de Limeira 6 4
2002 Treze 7 3
2002 Grêmio do Paraíba 2 1
2002 Ceará 4 2
2003 XV de Piracicaba 3 1
2003 América Natal 5 2
2003 Campinense 17 4
2004 Goiás 31 (6) 10
2005 Goiás 38 (1) 8
2006 Santos 23 (13) 8
2007 Santos 23 (14) 7
2008 Santos 3 (3) 0
2008/09 Gaziantepspor 25 (1) 11
2009/10 Gaziantepspor 3 (0) 1
2009/10 Besiktas 11 (5) 2
2010/11 Besiktas 9 (5) 0
2010/11 Al-Rayyan 11 (0) 7
2011/12 Al-Rayyan

 

Multimédia

 

 

foto © google.com.tr


Rui Malheiro

 
analista de futebol, scout e autor. freelancer. escreveu Anuário do Futebol 2008/09 e Anuário do Futebol 2009/10.